Detalhes da notícia

TE AMO DE PAIXÃO. MAS, NÃO CASO CONTIGO NEM POR R$ 50 / MÊS!

Adalberto Cunha em 25 de dezembro de 2017 às 16:20

Com referência aos orçamentos dos clubes de futebol da região Nordeste e outros menores igualmente discriminados, cabem algumas observações. Não adianta ficar o tempo inteiro se queixando que a divisão das cotas da TV é injusta. Não vai resolver nada. Se o contrato é injusto, se organizem e busquem os ajustes. 

 

A modificação proposta pela TV Globo, - em função da concorrência - para divisão de cotas para 2019 com 40% divididos igualmente, 30% por desempenho no campeonato e 30% por quantidade de jogos exibidos será que vai melhorar os orçamentos dos pequenos? Em tese, sim. Vamos aguardar a prática. Vai resolver a distância orçamentaria entre os clubes da região Nordeste e outros menores de outras regiões em relação aos considerados grandes das regiões Sul e Sudeste? Tenho certeza que não. A solução para essas questões financeiras dos clubes ou regiões de menores expressões demandam um conjunto de ações: junção de forças, alinhamento de interesses comuns, bem como uma grande persistência. Não é fácil. Também não é impossível. Alguém tem que ter iniciativa e começar o processo de mudanças. Se é que os critérios são injustos de fato. Não sei quais parâmetros técnicos foram adotados, tampouco qual estudo cientifico desenvolvido. Mas com certeza devem existir. Falta a palavra da moda, “transparência”. Contudo, a manutenção desses clubes em um status do futebol nacional em todas as esferas, é totalmente doméstica. Sim a solução é doméstica. A saída mais rápida está no plano de sócios dos clubes. Os torcedores que tanto reclamam, criticam e cobram, às vezes cobertos de razões e em outras fazendo apenas a critica pela critica, precisam fazer a sua parte. E ela está exatamente intrínseca na associação aos clubes para os quais torcem. Entendo que clubes como EC Bahia, EC Vitória, Náutico, Sport, Santa Cruz, Ceará, Fortaleza, Remo e Payssandú, esses dois últimos da região Norte, não podem ter uma arrecadação mensal do seu quadro de sócios inferior a R$ 2 milhões de reais.  Desta forma, esses clubes terão receita o ano inteiro e poderão montar elencos para o futebol profissional com folhas entre R$ 2.0 a 5.0 milhões mês, conforme series que estejam disputando e, que convenhamos, são valores bem razoáveis. Demais clubes devem também montar o seu plano estratégico para os seus quadros de sócios.

 

Torcedores! Entendam de uma vez por todas, enquanto essa força de arrecadação oriunda do quadro de sócios não acontecer nossos times continuarão patinando, rodando atrás do rabo feito cachorro nervoso, sem nunca atingirem objetivos maiores, ou quiçá se manterem nas series A ou B do brasileirão. Não entendo que amor é esse que temos por nossos clubes e não damos um mínimo de reciprocidade. Isso mesmo, reciprocidade, trata-se de uma troca com vantagens para os dois lados. (...) Ah! Falar é fácil. Venha fazer o quadro de sócios atingir esse patamar de arrecadação! Diriam os dirigentes dos clubes. Digo eu. Não é a minha função. Não sou pago para isso. São vocês que ganham para tal e que, portanto, têm a obrigação de fazê-lo. Vocês é que precisam ver como está o tão falado relacionamento com os torcedores e, como motivá-los para se associarem, permanecerem no quadro social e adimplentes. Será que apenas a torcida do Sport Clube do Recife ama seu clube? Ou é o seu departamento de marketing mais competente que os dos outros clubes? As duas alternativas estão corretas? Acho que sim. Parabéns ao rubro negro pernambucano que hoje conta com 43.3 mil sócios, figurando como 9º colocado no ranking nacional.

 

Torcedores, concordemos que valores mensais entre R$ 100, 50 ou 30 reais com acesso gratuito ao estádio, seja em cadeira ou nas arquibancadas é muito barato. Que amor é esse? Expliquem ahê!

 

Adalberto Cunha, empresário

 

Fontes:

http://www.futebolmelhor.com.br/movimento/index.html (Consulta em 15/12/2017)

https://socio-vitoria.futebolcard.com/ (Consulta em 15/12/2017)

https://www.socioesquadrao.com.br/ (Consulta em 15/12/2017)

http://www.sportrecife.com.br/ (Consulta em 15/12/2017)

http://www.santacruzpe.com.br/ (Consulta em 15/12/2017)

http://www.nautico-pe.com.br/ (Consulta em 15/12/2017)

http://blogs.diariodepernambuco.com.br/esportes/2017/03/25/calculando-as-cotas-do-brasileirao-de-2017-a-partir-dofuturo-modelo-da-globo (Consulta em 15/12/2017)

Busca

Categorias