Detalhes da notícia

Morre em Ponta Grossa o Jornalista Nei Costa

Redação em 11 de julho de 2019 às 20:16

Dono de uma bonita voz, Nei sempre se destacou como locutor comercial, cantor, escritor, declamador, repórter (de tudo), narrador de carnaval e narrador esportivo. E ele ainda gravou discos como cantor e declamador.

 

Foi o primeiro locutor do Paraná a cobrir uma excursão internacional na Europa, no caso com o Coritiba. Nei como locutor e Orlando Duarte como comentarista, formando uma dupla afinada e muito competente.

 

Entre 1970 e 1975 fez parte da grande equipe de Jorge Cury na Rádio Tupi do Rio de Janeiro e, também nesse período (entre 1971 e 1975), foi o locutor dos desfiles de carnaval da capital fluminense.

 

O público de São Paulo conheceu mais de perto o trabalho de Nei Costa a partir de 1975, quando ele ingressou no seleto time da Rádio Bandeirantes, onde permaneceu até 1991, com destaque para o programa As Mais Mais exibindo as músicas preferidas dos ouvintes, além de falar sobre cultura, entretenimento e poesia.

 

Nei Costa teve passagem marcante pelo rádio esportivo baiano, trazido por França Teixeira para ser narrador.

 

Foi casado com a Hilda Costa com quem teve dois filhos e um neto. Nei Costa estava internado desde o começo do mês de junho com complicações nos rins, pulmões e diabetes.

 

Foto: Reprodução

Busca

Categorias