Detalhes da notícia

Zé Augusto, uma vida dedicada ao Bahia

Redação em 21 de abril de 2017 às 00:00

José Augusto Ferreira de Jésus, ou simplestmente o zagueirão Zé Augusto, nasceu em 1953 e chegou ao Bahia, com  apenas 13 anos de idade. Após assistir o vigoroso zagueiro participando de um campeonato disputado no bairro de São Cristóvão, o então treinador Hélio Tapioca, o convidou para defender o juvenil do Bahia. E lá se foi o Zé. Em 1972, Tapioca, trocou o Bahia pelo seu maior rival, o Vitória, e levou Zé Augusto. Ficou por pouco tempo. Um ano depois, estava de volta ao Bahia, onde ficou até 1983, tendo sido lançado no time titular, pelo saudoso Orlando Fantoni. Em maio deste mesmo ano , Zé Augusto foi para o América do Rio, onde participou de um grande time, onde, entre outros craques, atuavam Flecha e Bráulio. Depois de um período no Figueirense, de Santa Catarina, e no Santa Cruz,de Recife, voltou ao Bahia, onde encerrou a carreira em 1986. Em 1977, voltou ao Bahia, como observador técnico e treinador da divisão de base. Em 2007 se aposentou e, atualmente,  guarda boas lembranças das inúmeras vitórias e dos títulos conquistados pelo seu Esporte Clube Bahia.               Foto: arquivo pessoal.

Busca

Categorias